Infância com Afeto

​Ter a mente aberta para novas possibilidades é a característica principal de “Infância com Afeto”, nova exposição individual do artista visual Renato Gosling. As obras desta exposição surgem da capacidade de lidar com memórias, afetos e acasos de modo a construir um universo lúdico em que a emoção, a técnica, o engenho e a arte se encontram.

 

Para isso, as obras, realizadas com diversas técnicas e em diversos suportes, estarão penduradas à altura dos olhos das crianças. Isso significa que os adultos encontrarão cadeiras nas quais poderão se sentar como se fossem crianças. Existe, portanto, uma inversão do olhar clássico da galeria de arte, em que os adultos são privilegiados.

O objetivo da exposição é justamente que as crianças aproveitem ao máximo a experiência de olhar as obras à sua altura, obrigando os adultos a um reposicionamento do físico e da própria capacidade de perceber. Assim, torna-se possível o estímulo a novas maneiras de enxergar obras de arte e, por extensão, o mundo.

 

A exposição tem como proposta promover a liberdade do pensar e do agir. Cada um pode se relacionar com os trabalhos como preferir, usando as cadeiras ou não. Assim, a partir de objetos e afetos ligados à suas memórias de infância, Renato Gosling transforma as suas memórias particulares em interações lúdicas coletivas.